pc@paulopneumo.com.br    |   

Como lidar com diagnóstico de câncer de pulmão?

Nunca é fácil receber um diagnóstico de câncer. Então, neste primeiro momento, respire devagar e dê tempo a si mesmo para digerir a notícia. Uma vez que você consiga ter um pouco de calma, é hora de erguer a cabeça e encarar a doença. Sua rotina vai mudar, mas é importante que você encare com praticidade e algum otimismo para tomar as medidas necessárias. Afinal, nenhum câncer, nem mesmo o de pulmão, que geralmente é descoberto em estágio mais avançado, é uma sentença de morte. Portanto, pode e deve ser combatido. Acompanhe o guia que preparamos para que você trabalhe esse diagnóstico da forma mais tranquila possível.  

1) Saiba tudo sobre a enfermidade

Converse com o médico e tire todas as dúvidas sobre este tipo de câncer. O câncer de pulmão tem alguns subtipos, descubra qual é o seu, onde ele está localizado, qual é o estágio do tumor, etc.

2) Você não está sozinho

É primeira coisa a se saber. O câncer de pulmão é o segundo mais comum em homens e mulheres no Brasil, independentemente da idade. Então busque ouvir histórias de pacientes que venceram a doença, essa troca pode ser bastante positiva porque dá ânimo na hora de iniciar o tratamento. O apoio de amigos e familiares também é fundamental durante o processo.

3) Organize sua documentação clínica e pessoal

Nesta fase você já visitou alguns médicos, então agora organize seus documentos pessoais, exames, relatórios, atestados, telefones e endereços de emergências, mantendo tudo em local de fácil acesso. Isso agiliza a marcação de consultas e exames, além da reivindicação de direitos, se necessário.

4) O tratamento contra o câncer de pulmão deve ser múltiplo

Após a coleta das informações clínicas, o médico oncologista decidirá qual será o plano de tratamento. Durante este período há uma série de cuidados específicos e, para cada cuidado, é importante ter um profissional - seja psicólogo ou nutricionista, por exemplo. Um relatório do paciente sobre altos e baixos, sintomas e queixas, somado a um estadiamento de qualidade são fundamentais para o sucesso da terapia.

5) No trabalho, no hospital e em casa

Se o trabalho te garantiu o recolhimento de impostos, você tem direito à licença médica e outros benefícios. Se estiver bem disposto, pode continuar trabalhando, fará bem para a mente. Se não, deve buscar uma maneira legal de fazer o tratamento sem prejudicar o orçamento.

No hospital, torne o tempo mais agradável. Aproveite para se distrair com livros, jogos, músicas, etc. Isso fará o período de internação ser mais leve e ameno.

Em casa, os cuidados seguem. Os ambientes precisam estar sempre limpos e arejados, a preparação dos alimentos deve ter higiene rigorosa e os objetos pessoais devem ser separados para evitar contaminação por qualquer outra enfermidade. Já o contato com seu animal de estimação precisa ser reavaliado com o médico.

6) Relaxe a mente

Tente não pensar na doença em alguns momentos. Ela deve receber atenção, claro, mas não o dia inteiro. Descanse sua mente, busque atividades que você gosta, afaste-se de coisas e pessoas negativas, não se obrigue a fazer o que não quer e mantenha perto pessoas que você ama, aprenda uma nova língua, faça um curso online, enfim: se distraia um pouco.

Essas são etapas importantíssimas para vencer qualquer tipo de câncer. Respeite cada fase e tente não ficar ansioso. É importante estar otimista e entender que a doença pode ser vencida.

Fonte: Medical Site

06 de Agosto de 2020

Agende sua consulta!